ANUNCIO DO CABEÇALHO

Comercial Oliveira e Souza

Fotos do cadáver de cantora Eliza Clivia vazam na web e revolta aparece


A cantora Eliza Clivia, de 37 anos, faleceu nesta sexta-feira (16) em um gravíssimo acidente de carro na cidade de Aracaju, no Estado do Sergipe. Ela estava com o marido, o baterista Sérgio Ramos, quando tudo aconteceu. Nenhum dois acabou sobrevivendo ao grave incidente, que chocou o país.

Além dos dois, outros três rapazes, que formam a banda de Eliza, acabaram se machucando com a batida entre o carro de Clivia e um ônibus. Eles estão internados em um hospital público da região e não correm o risco de morte.

Eliza cantou por anos no grupo Cavaleiros do Forró e há pouco tempo tinha anunciado sua carreira solo. Ela havia acabado de dar uma entrevista à afiliada da TV Cultura na região, quando o acidente aconteceu.

Falta de respeito com cantora provoca revolta
Infelizmente, muitas pessoas perderam a noção e foram até ao local do acidente tirar fotos do carro com a cantora muito machucada e já morta. Imagens de seu cadáver foram compartilhadas nas principais redes sociais e aplicativos, como o WhatsApp.

Uma das imagens mostra Eliza Clivia e o marido. Os dois já estariam mortos. A cantora está muito machucada e com a cabeça para fora da porta. As pessoas que seguem Eliza e acompanhavam o seu trabalho ficaram revoltadas com esse tipo de publicação.

Uma delas pediu aos curiosos que tivessem compaixões com os dados que eram compartilhados e divulgados na internet, pois alguém da família poderia ver aquelas imagens assustadoras.
É bom lembrar que tirar essas fotos e compartilhá-las na internet pode ser considerado vilipêndio de cadáver, #Crime que pode dar até prisão.

Quando o cantor sertanejo Cristiano Araújo faleceu algo parecido acabou parando na web. No caso dele, funcionários da funerária que atendeu o artista fizeram selfies com seu cadáver.

Motorista tenta frear, mas acidente acaba sendo fatal
O corpo de Eliza e seu marido chegaram a passar por uma perícia do Instituto Médico Legal da Região (IML) e, em seguida, foram liberados para o enterro. Vídeos gravados por câmeras de segurança [VIDEO] mostram que o motorista do ônibus que bateu no carro da cantora chegou a tentar frear o coletivo, mas não foi possível.

Eliza e o companheiro estavam na frente do carro, que bateu na dianteira com o ônibus. Por isso, eles foram os mais feridos no acidente e não sobreviveram. Antes de falecer, a cantora foi à uma emissora local anunciar o show que faria na cidade naquela noite.Trechos da entrevista chegaram a ser publicados por um fã. O material teve mais de 400 mil visualizações nas redes sociais. (Fonte: Blasting News)

Vídeo abaixo:
Tecnologia do Blogger.