Cabeçalho ADS

Anuncie Conosco

Anuncie Conosco

Anuncie Conosco

Anuncie Conosco

Anuncie Conosco

Anuncie Conosco

Fale Conosco

Mistério: Após ligar para o pai dizendo que sofreu acidente, jovem é achada morta a 1km do carro

 

A Polícia Civil de Águas de Santa Bárbara (SP) investiga a morte da jovem Kathia Fernandes Oliveira, de 22 anos. Ela desapareceu na noite de segunda-feira (10) depois de ligar para o pai e contar que havia sofrido um acidente. O carro da jovem foi achado no dia seguinte dentro do Rio Novo, entre Águas de Santa Bárbara e Iaras. Nesta quinta-feira (13), o corpo de Kathia também foi encontrado no rio, a cerca de um quilômetro do local onde estava o veículo.

Kathia Fernandes Oliveira desapareceu na noite do dia 10 de janeiro, depois que saiu da casa onde morava, em Óleo (SP), para se encontrar com um rapaz em Iaras. Câmeras de segurança de um posto de combustíveis em Manduri mostram que a jovem abasteceu o carro no local momentos antes de desaparecer Às 20h49, a jovem fez uma ligação para o pai, contando que tinha sofrido um acidente. A família disse que a ligação estava ruim e que não conseguiu retornar a chamada. Por conta disso, parentes começaram a fazer buscas e entraram em contato com amigos da jovem, mas não tiveram sucesso. O desaparecimento de Kathia foi registrado no dia 11.

O carro de Kathia foi encontrado no fim da tarde do dia 11 dentro do Rio Novo, às margens da Rodovia Vicinal Jair Gilberto Campaneti. Isso ocorreu depois que a família descobriu que a jovem tinha abastecido o carro em Manduri e estava indo para Iaras. Os parentes fizeram o percurso, encontraram vestígios do veículo e acionaram a polícia. Os bombeiros retiraram o carro de dentro do rio e fizeram buscas pela jovem, mas nada foi encontrado nos dias 11 e 12. A corporação de Avaré encerrou as buscas no Rio Novo depois que os mergulhadores percorreram mais de dois quilômetros no rio e nenhum vestígio foi encontrado. Os bombeiros chegaram a dizer que só retomariam as buscas se recebessem mais informações de que Kathia realmente estava no local.

O corpo de Kathia foi localizado na tarde do dia 13, dentro do Rio Novo, a cerca de um quilômetro do local onde o carro estava. Os bombeiros foram acionados para retirar o corpo do rio e ele foi levado pela funerária ao Instituto Médico Legal (IML). O corpo estava em avançado estado de decomposição. De acordo com o delegado Omar Zedan Vieira, responsável pelas investigações, as primeiras impressões apontam para morte em decorrência do acidente e afogamento. Apesar disso, a Polícia Civil aguarda o resultado dos laudos periciais para identificar a causa da morte de Kathia. No dia 13, a Polícia Civil ouviu o rapaz de Iaras com quem Kathia iria se encontrar antes de desaparecer e também o ex-namorado dela, de Manduri. No entanto, o delegado ressaltou que eles não são considerados suspeitos.

Segundo a Polícia Civil, o rapaz disse que estava conversando com Kathia pelas redes sociais e tinha marcado um encontro com ela na noite do dia 10. Ao g1, a família contou que o rapaz entrou em contato avisando que a jovem tinha enviado uma mensagem a ele, dizendo que estava abastecendo o carro e logo chegaria, mas que ela não apareceu. A Polícia Civil aguarda os laudos periciais, analisa imagens de câmeras de segurança e ouve depoimentos de testemunhas para esclarecer o caso. O delegado também pediu a quebra de sigilo telefônico da jovem e informou que não descarta nenhuma hipótese.


Tecnologia do Blogger.